top of page

Livros

Livro - A Menina da Coluna Torta, por Julia Barroso
Livro - A Mulher da Coluna Torta, por Julia Barroso
  • Foto do escritorJulia Barroso

A biomecânica da escoliose: entendendo os movimentos da coluna

Olá pessoal! Assisti uma palestra recentemente no Scoliosis Day e resolvi sobre a biomecânica da escoliose, uma condição que afeta a coluna vertebral e que muitas vezes vem acompanhada de muitos desafios, mas também de muitas possibilidades de superação. Achei bem interessante e resolvi compartilhar um pouquinho aqui com vocês:


O que é a escoliose?

A escoliose é uma curvatura anormal da coluna vertebral, que pode se apresentar em forma de "S" ou "C". Essa deformidade pode ser idiopática (sem causa conhecida), congênita (presente ao nascimento) ou neuromuscular (resultante de doenças neuromusculares). No post "O que é a escoliose? Entenda de forma fácil!" eu explico mais sobre a condição.


Biomecânica da escoliose

Ainda é difícil dizer ao certo como surge a escoliose e quais fatores são determinantes para a progressão da curva. Mas uma coisa é certa, na escoliose, há uma rotação e inclinação das vértebras, o que altera a distribuição de carga e o equilíbrio corporal. A biomecânica da escoliose envolve a compreensão de como as forças atuam sobre a coluna deformada e como essa deformidade afeta o movimento e a postura.


  • Rotação Vertebral: uma característica marcante da escoliose é a rotação das vértebras no eixo horizontal, que pode causar uma protuberância nas costas, conhecida como giba costal.

  • Distribuição de Carga: a curva escoliótica provoca uma distribuição desigual do peso corporal, o que pode levar a dores nas costas e fadiga muscular.

  • Alterações Musculares: os músculos ao redor da coluna podem ficar desequilibrados, com alguns músculos se tornando tensos e outros enfraquecidos.


biomecânica da escoliose

Tratamento e Correção

O tratamento da escoliose varia de acordo com a gravidade da curvatura. Para curvas leves, fisioterapia e exercícios específicos são recomendados para fortalecer os músculos e melhorar a postura. Em casos mais graves, o uso de coletes ortopédicos ou até mesmo cirurgia pode ser necessário.


  • Fisioterapia com exercícios específicos: diversas técnicas são usadas, atualmente, para ensinar exercícios de fortalecimento, força e equilibrio, que ajudam o paciente a corrigir a postura e até, em alguns casoso, reduzir a curva escoliótica.

  • Colete ortopédico: utilizado principalmente em adolescentes, o colete ajuda a evitar a progressão da curva durante o crescimento.

  • Cirurgia: em casos severos, a cirurgia pode ser indicada para corrigir a curvatura e estabilizar a coluna.


Conclusão

A compreensão da biomecânica da escoliose, apesar de ainda ser um desafio é fundamental para o desenvolvimento de tratamentos eficazes. Com o acompanhamento adequado e a abordagem correta, é possível gerenciar a escoliose e melhorar a qualidade de vida dos pacientes.


Espero que tenham gostado de aprender um pouco mais sobre como a biomecânica influencia a escoliose e como podemos trabalhar para superá-la.

55 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo

1 Comment


Guest
May 14

Excelente matéria Julia, parabéns

Like
Seção Saúde
Seção Superação
Seção lazer
Seção artigos
Seção crônicas

Arquivo

Destaques

Tags

bottom of page