top of page

Livros

Livro - A Menina da Coluna Torta, por Julia Barroso
Livro - A Mulher da Coluna Torta, por Julia Barroso
  • Foto do escritorJulia Barroso

As dores do pós-operatório da cirurgia de escoliose

Atualizado: 29 de set. de 2023

Eu senti na pele, ou melhor, em todas as minhas costelas, a dor do pós-operatório da cirurgia de escoliose. Na verdade, antes fossem só as costelas. Dói tudo, o corpo todo, cada pedacinho.


Logo no início do meu primeiro livro, conto mais sobre o que passei com essa dor:


"O corte nas minhas costas era de mais ou menos 20cm de comprimento e 4cm de profundidade, além do corte da bacia, de onde retiraram osso para enxertar na coluna. Se eu falasse entraria ainda mais ar e a dor seria pior, se é que era possível. Me explicaram que aquele botão na minha mão era a bomba de morfina. Cada vez que eu apertava, recebia uma dose controlada. Só havia dez bombas em todo o hospital, somente para as cirurgias mais doloridas no pós-operatório. Quando apertava o botão sentia uma onda me invadir e um alívio imenso da dor na mesma hora."


Sei que muitos de vocês estão passando ou vão passar ainda por esse momento difícil, por isso, resolvi trazer algumas dicas de como podemos lidar melhor com essa fase, que na verdade, não tem um tempo definido. A dor no corpo do pós-operatório vai depender da reação de cada um. No meu caso, foram 7 dias de dor absurdamente intensa, ainda no Hospital. Depois, em casa e com medicação, as coisas foram se acalmando, mas mesmo assim, demorou por volta de uns 2 a 3 meses para eu não ter mais dor nenhuma.


Então vamos às dicas?

  • Sigam todas as orientações médicas em relação a medicação, momentos certos de iniciar os movimentos e, quando forem para casa, repouso! Eu sempre fui agitadinha e, em casa, isso me prejudicou. Descansem e respeitem seus limites.


  • Encontrem formas de se distrair. No Hospital, em pleno desespero de dor, pedi um papel e uma caneta para minha mãe e comecei a escrever. Dali, surgiu o meu livro, depois de anos. Naquele momento, eu poderia ter me entregado a tristeza ou ter reagido fazendo algo que me agradasse para espairecer a mente e assim esquecer um pouco do corpo.


  • Aproveitem para ler bastante! É uma ótima forma de viajar para outros lugares, descansar a cabeça e se instruir.


  • Assim que puderem falar, conversem com a família e amigos. Encontrem neles o apoio que precisam para essa fase. Tenho certeza que eles vão contar histórias e fazer com que vocês esqueçam um pouco da dura realidade. Isso ajuda muito a passar o tempo. Recebi inúmeras visitas no Hospital e também em casa. Podem ter certeza que eu tirava o máximo de proveito de cada uma delas.


  • Cuidem muito bem das feridas dos cortes para que elas sigam saudáveis, sem nenhum tipo de desconforto maior. Neste post falo mais sobre a temida cirurgia da escoliose.


pós-operatório da cirurgia de escoliose

  • Quando já estiverem liberados, invistam em uma boa fisioterapia e exercícios especializados para pós-operatório de escoliose. Pilates também ajuda bastante.


  • Por fim e não menos importante: não se comparem! Cada organismo é único e tem o seu devido tempo de se reestabelecer. Foquem na instruções dos dos profissionais que estão cuidando de você e confiem. Vai passar!!!!

Ah, trocar informação com outras pessoas que já passaram por isso também ajuda bastante. Isso acalma e entendemos que é apenas uma fase, que passa, como tudo nessa vida.


E aí, pessoal? Ajudei de alguma forma? Deixem seus comentários aqui para quem precisa de apoio! Conto com vcs!!!




145 visualizações4 comentários

Posts recentes

Ver tudo

4 Comments


Guest
Aug 02, 2023

Pois é, foi muitíssimo difícil. Você é muito corajosa, nem tenho palavras. Graças a Deus tudo isso passou.

Like
Julia Barroso
Julia Barroso
Nov 29, 2023
Replying to

Ah que bom!!!!! Muito obrigada pelo feedback!!!

Like
Seção Saúde
Seção Superação
Seção lazer
Seção artigos
Seção crônicas

Arquivo

Destaques

Tags

bottom of page